Se você está construindo ou planejando sua construção, alguns detalhes podem ser previstos para facilitar a instalação dos painéis solares.

Caso seu imóvel já esteja pronto você poderá instalar da mesma forma apenas vai precisar de pequenas alterações.

Siga as seguintes recomendações para preparar a sua propriedade para receber todo o sistema solar.

Tenha área suficiente

Seu telhado ou laje deve ter no mínimo 10,5m2 de a área livre, porem o espaço que será utilizado irá depender da quantidade de energia que você ira precisar.

Área média ocupada por sistemas de energia solar para casas

  • Potência de 1.5 KWp: ocupa no mínimo 10.5m²
  • Potência de 2.0 kWp: ocupa no mínimo 14m²
  • Potência de 3.0 kWp: ocupa no mínimo 21m²
  • Potência de 4.0 kWp: ocupa no mínimo 28m²
  • Potência de 5.0 kWp: ocupa no mínimo 35m²
  • Potência de 10.0 kWp: ocupa no mínimo 70m²

Área média ocupada por sistemas de energia solar para armazéns e indústrias

  • Potência de 50 kWp: Ocupa aproximadamente de 400m² a 500m²
  • Potência de 100 kWp: Ocupa aproximadamente de 800 a 1000m²
  • Potência de 1 MWp: Ocupa aproximadamente de 8.000 a 10.000m²

Calculando o espaço necessário

Considere de 7m² a 10m² para cada kWp de potência do seu sistema.

Ex: Um sistema com 16 painéis de 330 Watts possui uma potência de 5.28 kWp (16 x 330 = 5.280 Watts). Este sistema vai ocupar entre 36,96m² e 52,8m².

Sistemas de energia solar instalados em casas ficam muito mais perto dos 7m² por kWp pois é possível juntar os painéis.

Para geradores de energia solar de grande porte, como é o caso para indústrias e armazéns, você deve considerar que interferências no telhado como chaminés e aparelhos de ar-condicionado podem fazer sombra nas placas. Também é importante deixar um espaço para andar no telhado para uma eventual manutenção. Nestes casos considere uma ocupação entre 9 e 10m² por kWp instalado.

Lembre-se: Estas áreas podem variar de acordo com o sistema de energia solar a ser instalado.

Tipo de cobertura

Cada tipo de telhado exige um sistema diferente de fixação.

Coberturas de telha metálica

Como as trapezoidais comuns e termoacusticas, e as coberturas de telha tipo “shingle” são as melhores opções para instalar painéis fotovoltaicos. Essas coberturas facilitam a fixação e são superfícies seguras para instalação.

Telhas de barro

Ficam em segundo lugar no ranking de melhor opção de cobertura para instalação do sistema de fixação do painel solar, elas requerem um trabalho maior na hora da instalação, mas nada que dificulte e inviabilize a mesma.

Telhas do tipo fibrocimento

Com esse tipo de cobertura o processo será mais trabalhoso. Elas são frágeis e podem quebrar durante o processo.

Coberturas planas

Como lajes e telhas pré-fabricadas em concreto são uma ótima superfície para instalação. O sistema de fixação para as coberturas planas compensa a pouca inclinação do telhado para garantir que os painéis tenham melhor incidência solar.

Posição das Placas

O ângulo ótimo para produzir o máximo de energia com os painéis fotovoltaicos é a face Norte, com um grau de inclinação igual ao da latitude. Ex: Curitiba está na latitude 25°, portanto o melhor ângulo para o seu painel solar é inclinado a 25°.

Nem sempre será possível ter a inclinação perfeita, porem a produção de energia não terá uma interferência muito grande e é totalmente aceitável o importante é que o painel receba o máximo de sol possível.

O layout

Use sempre números pares de painéis. Além de ficar mais bonito será mais fácil configurar o inversor fotovoltaico.

Painéis de 270, 275, 280 até 290Watts, todos possuem 60 células e normalmente medem 166cm de altura por 99cm de largura e de 4 a 5cm de profundidade.

Painéis de 330, 335, 340 até 375Watts, todos possuem 72 células e normalmente medem 198cm de altura por 99cm de largura e de 4 a 5cm de profundidade.

As variações de potência são relacionadas à eficiência das células. Células mais eficientes resultam em um painel que gera mais energia por m². Desta forma se o espaço que você possui é pequeno compre um painel mais eficiente para aproveitar a área disponível.

Certifique-se que a sua estrutura está preparada para o peso dos painéis

Os painéis não são muito pesados, mas dependendo da estrutura pode ser necessário um reforço. A carga adicionada é de aproximadamente 15 kg/m². Em telhados com coberturas metálicas, o peso pode cair para 13,5 kg/m².

O peso vai variar principalmente com o tipo de estrutura de fixação que será utilizado.

Local de instalação do inversor

É um equipamento eletrônico por esse motivo é de extrema importância protegê-lo de umidade ou de luz direta do sol. Existem modelos feitos para ficar ao ar livre, mas quanto maior o cuidado com o equipamento mais tempo ele irá durar. Também é importante que ele fique perto do seu quadro de distribuição de energia, o que facilitará a ligação na rede e a manutenção.

Eletrodutos e conexão com os painéis solares

É importante ter um eletroduto que faça o caminho entre o inversor e os painéis solares no seu telhado. Os painéis solares geram uma voltagem alta, portanto é importante identificar e separar a fiação deste circuito até o inversor. Este eletroduto pode ser aparente ou embutido.

Aterramento do sistema fotovoltaico

Todos os sistemas fotovoltaicos devem ser aterrados por uma questão de segurança. Tradicionalmente os painéis são aterrados na estrutura e a estrutura à malha de aterramento da casa ou empreendimento.

Portanto, para facilitar também, deixe um ponto de aterramento no telhado onde os painéis serão instalados para facilitar o processo.

Agora que você está preparado para instalar seu sistema de energia fotovoltaica, confira nossa linha de energia solar e faça uma cotação aqui.